sexta-feira, 20 de março de 2015

TAS adia decisão de Fernando Santos para segunda-feira

Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) decidiu adiar para segunda-feira a decisão sobre o recurso interposto pelo selecionador Fernando Santos por causa da suspensão de oito jogos que lhe foi aplicada pela FIFA na sequência do jogo entre a Grécia e a Costa Rica, nos oitavos de final do Mundial de 2014.

O árbitro australiano Ben Williams, que ordenou a expulsão do atual selecionador de Portugal do banco da seleção helénica.

«Ronaldo a ponta-de-lança? Está tudo em aberto» - Fernando Santos

A finalização é um dos aspetos que Fernando Santos quer melhorar na Seleção Nacional, que leva apenas três golos marcados em outros tantos jogos na qualificação para o Euro-2016.

«Todos gostávamos de ter marcado mais golos nos jogos. A equipa criou oportunidades para fazer mais golos, mas não aconteceu assim. Vamos procurar aperfeiçoar, mas não é fácil entrosar a equipa com tão pouco tempo de trabalho. É preciso confiar nos jogadores e nos processos coletivos da equipa para fazer mais golos», disse em conferência de imprensa.

Questionado sobre se colocar Cristiano Ronaldo na posição de ponta de lança frente à Sérvia poderá ser uma solução para esse problema, o selecionador atirou:

«Isso era abrir o jogo. Temos uma ideia pré-definida do que pensamos ser a melhor abordagem ao jogo, mas vamos ter uma semana de trabalho e algo pode acontecer. Não me parece uma certeza mas isso não quer dizer que não possa ser assim. Tudo está em aberto.»

Fernando Santos explicou ainda que a convocatória foi elaborada a pensar na estratégia para o jogo com o Sérvia, ajudando o facto de grande parte dos jogadores escolhidos estarem a jogar com regularidade nos respetivos clubes.

«Uns são titulares, outros têm entrado... quando tenho jogadores rodados tudo fica mais fácil. O trabalho que realizamos não é de caráter físico, é de dinâmica de equipa. Quando estão a jogar nos clubes os jogadores podem render mais», concluiu.

Fernando Santos explica chamada de três laterais-esquerdos

Fábio Coentrão, Eliseu e Antunes são três laterais-esquerdos que integram a lista de convocados da Seleção Nacional para o próximo jogo com a Sérvia. Fernando Santos explicou as escolhas.

«É preciso ver em que outras posições podem jogar. (...) Há um, que é o Antunes, que fundamentalmente é lateral mas há dois que têm desempenhado outro tipo de funções», explicou em conferência de imprensa.

No último jogo da Seleção Nacional foi Raphael Guerreiro a ocupar aquela posição, porém, o jogador do Lorient está lesionado. 

«Recebemos o relatório médico do clube, que diz que ele não está disponível para treinar nos próximos dez dias. Por isso ficou de fora. Fazia parte dos pré-convocados e estava na linha para ser convocado», disse.

«Castigo? Estamos preparados, aconteça o que acontecer» - Fernando Santos

O selecionador nacional garante que tudo está preparado para funcionar normalmente, independentemente da decisão do TAS sobre o recurso apresentado na sequência do castigo de oito jogos aplicado pela FIFA, quando Fernando Santos era ainda treinador da Grécia.

«Estou tranquilo, sereno. Tenho confiança absoluta nos que trabalham comigo. Aconteça o que acontecer, qualquer uma das situações está resolvida. Não é por ai que haverá problema», disse em conferência de imprensa, vincando que Ilídio Vale está preparado para liderar a equipa a partir do banco caso se confirme o castigo:

«Novo adiamento na decisão do TAS? Não implica nada, não afeta rigorosamente nada. Somos uma equipa que trabalha em conjunto para delinear a estratégia. As coisas estão preparadas e vão correr normalmente, em treino e em jogo. Confiança absoluta.»

«Espero que Ronaldo faça um grande jogo em Barcelona» - Fernando Santos

O treinador da Seleção Nacional desvalorizou o momento de forma menos bom de Cristiano Ronaldo, mostrando-se convicto de que o capitão de Portugal vai apresentar-se ao melhor nível frente à Sérvia.

«Momento de forma de Cristiano Ronaldo? Criamos sempre focos de preocupação... Espero que o Cristiano faça um grande jogo em Barcelona. Depois tenho a certeza que vai chegar aqui com uma ambição tremenda, como costuma vir sempre, para ajudar, juntamente com os companheiros, a equipa a conseguir a vitória. Não estou preocupado», disse Fernando Santos em conferência de imprensa.

«Ventura tem potencial, caso contrário, não o chamava» - Fernando Santos

A chamada de Ventura constitui um dos principais destaques da lista de convocados de Fernando Santos. O selecionador nacional justificou a aposta no guarda-redes do Belenenses.

«O Beto, um jogador em quem tenho uma confiança enorme, não está em condições físicas e, infelizmente, não pode vir. Tínhamos de escolher um terceiro guarda-redes e escolhemos Ventura, um jogador que, pela idade, promete uma excelente carreira. Parece-me uma escolha perfeitamente normal», explicou em conferência de imprensa.

Fernando Santos considerou ainda que o futuro da Seleção está salvaguardado no que diz respeito a guarda-redes:

«Quando chamas Antonhy Lopes, Ventura... se não tivessem potencial não os chamava. Tenho absoluta confiança no Ventura. Se não fosse um jogador de futuro não o chamava.»

«Jogo não é mais importante para a Sérvia do que é para Portugal» - Fernando Santos

O treinador da Seleção Nacional destacou a importância do encontro com a Sérvia, referente à qualificação para o Euro-2016, que está agendado para 29 de março no Estádio da Luz.

«É um jogo muito importante porque, se vencer, Portugal fica a depender apenas de si próprio. Espero que os portugueses percebam a importância deste jogo e encham o Estádio da Luz», disse Fernando Santos em conferência de imprensa.

Questionado se espera uma seleção sérvia motivada, movida ainda pela esperança no apuramento: 

«Vamos defrontar uma excelente equipa, com um conjunto de jogadores fantásticos e sabemos o que valem. Houve uma mudança de treinador e isso pode levar a algumas indefinições. Mas estamos preparados e conhecemos todos os cenários. É um jogo importante para a Sérvia mas não direi que é decisivo. É uma equipa que tem só um ponto e o jogo torna-se importante, mas não é mais importante para a Sérvia do que é para Portugal. Conhecemos o adversário para não sermos surpreendidos e temos todas as condições para vencer este jogo.»

«Conheço os pontos fortes da Sérvia mas sei também de algumas fragilidades que podemos tirar proveito mas não vou revelá-las», atirou.

Cinco novidades nos convocados de Fernando Santos

A lista de convocados do selecionador português para o jogo com a Sérvia apresenta cinco novidades relativamente aos últimos encontros da Seleção Nacional com a Arménia e Argentina.

Ventura, Antunes, Eliseu, Fábio Coentrão e Hugo Almeida são os novos nomes da convocatória de Fernando Santos, de onde saem Beto, Raphael Guerreiro, Adrien Silva, Tiago Gomes e Hélder Postiga, que tinham sido chamados para os últimos compromissos de Portugal.

Na conferência de imprensa desta tarde, o técnico luso revelou ainda que no dia 30 divulgará mais dez ou onze jogadores para a partida com Cabo Verde, que se realiza a 31 de março.

A Seleção Nacional defronta a Sérvia no próximo dia 29, às 19h45, no Estádio da Luz, a contar para o apuramento do Europeu de 2016.

Lista de convocados : 

Guarda-redes: Anthony Lopes (Lyon), Rui Patrício (Sporting) e Ventura (Belenenses)

Defesas: Antunes (Dínamo Kiev), Bosingwa (Trabzonspor), Bruno Alves (Fenerbahçe), Cédric (Sporting), Eliseu (Benfica), Fábio Coentrão e Pepe (Real Madrid ), José Fonte (Southampton) e Ricardo Carvalho (Mónaco)

Médios: André Gomes (Valência), João Mário e William Carvalho (Sporting), João Moutinho (Mónaco) e Tiago (Atlético de Madrid)

Avançados: Cristiano Ronaldo (Real Madrid), Danny (Zenit), Éder (SC Braga), Hugo Almeida (Kuban Krasnodar), Nani (Sporting), Ricardo Quaresma (FC Porto) e Vieirinha (Wolfsburgo)

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Portugal permanece no sétimo lugar.

A Seleção Nacional permaneceu no sétimo lugar do «ranking» da FIFA, que continua a ser liderado pela seleção alemã.

As mudanças no top-10 passaram pela descida da França do sétimo para o oitavo posto e da Espanha para o 10.º lugar, tendo o Uruguai subido à nona posição.

«Ranking» da FIFA, a 12 de fevereiro:
1. (1) Alemanha, 1.729 pontos.
2. (2) Argentina, 1.534.
3. (3) Colômbia, 1.456.
4. (4) Bélgica, 1.430.
5. (5) Holanda, 1.385.
6. (6) Brasil, 1.333.
7. (7) Portugal, 1.189.
8. (7) França, 1.168.
9. (10) Uruguai, 1.146.
10. (9) Espanha, 1.144.
(...)
35. (40) Cabo Verde, 756.
41. (51) Irão, 701.
58. (62) Gabão, 585.
84. (81) Angola, 391.
90. (98) Moçambique, 371.
102. (109) Etiópia, 323.
138. (133) Guiné-Bissau, 212.
174. (170) São Tomé e Príncipe, 75.
187. (185) Timor-Leste, 51.

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

«Ronaldo vai responder dentro de campo» – Fernando Santos.

O selecionador de Portugal, Fernando Santos, não tem dúvidas que Cristiano Ronaldo vai calar todos os críticos com o seu futebol e com os seus golos.

«De foram alguma. Ronaldo vai responder dentro de campo, que é o que faz melhor, com golos e com toda a sua arte. Tenho a certeza que estará aqui em pleno», afirmou Fernando Santos, à margem da apresentação do particular entre Portugal e Cabo Verde.

O goleador português tem sido alvo de críticas por causa da sua festa de aniversário após a derrota frente ao Atlético Madrid (4-0).

«Pouco antes dessa situação estive em Espanha no jogo frente ao Sevilha e essa festa já estava preparado há cerca de um mês e tal. As pessoas são humanas e ele não iria alterar uma situação que já estava programada. Ele expressa o profissionalismo dele todas as vezes que entra em campo.»

«Vamos receber Cabo Verde com enorme orgulho» – Fernando Gomes.

Na conferência de apresentação do particular entre Portugal e Cabo Verde, que está agendado para 31 de março, às 20.45 horas, no Estádio António Coimbra da Mota, Estoril, o presidente da Federações portuguesa de futebol, Fernando Gomes, garantiu que vão tentar ajudar a vítimas do vulcão com as receitas da partida.

«Vamos receber Cabo Verde com enorme orgulho no qual a Federação irá ajudar na medida das suas possibilidades com a receita para as vítimas do vulcão», afirmou Fernando Gomes.

O presidente da Federação de Cabo Verde, Mário Semedo, agradeceu a cooperação.

«Quero agradecer todo o apoio que o povo de Cabo Verde tem recebido de várias entidades portuguesas. As relações são excelentes e esperamos contar com o apoio de todos os cabo-verdianos em Portugal para assistir ao jogo.

Foi também apresentado um vídeo onde o extremo Nani apela aos portugueses para marcarem presença no particular de ajuda às vítimas da tragédia de 23 novembro.